Em Vigia, na chamada região do Salgado paraense, policiais militares foram acionados, via telefone interativo, sobre uma tentativa de esfaqueamento por uma mulher a uma criança de cinco anos de idade. A criança foi internada em hospital do município. A agressora ainda se escondeu na casa da mãe dela, mas terminou presa pela polícia.

Conforme a polícia, uma testemunha descreveu a agressora e indicou onde ela estava escondida. A mulher foi identificada como Leilane Patrícia Moraes Brito, mais conhecida popularmente como ”Pede-Pede’.

A PM informou, ainda, que após receber a denúncia da agressão contra a criança, a viatura 5101 saiu ao encalço da acusada, encontrada escondida na casa da mãe dela, na rua Principal, do bairro do Tujal.

Leilane Brito foi detida dentro da casa e em seguida conduzida para a Unidade Integrada de Polícia, para os procedimentos cabíveis. No ato da prisão, Leilane contou à guarnição, que o pai da criança devia para ela o valor da venda de um aparelho celular.

Ela então decidiu ir à casa do homem para cobrar o dinheiro. No imóvel, ela só encontrou a criança brincando com um aparelho de celular. Ela tentou tomar o aparelho da criança, mas a criança não soltou, momento em que ela de posse de uma faca, desferiu vários golpes contra a criança.

 

Fonte: O Liberal
Foto: Arquivo/O Liberal