O Governo do Rio de Janeiro entrará em um “Super Feriado” a partir de sexta-feira (26), mas ao contrário da Globo, a Record seguirá com o cronograma de gravações de Gênesis.

da Administração carioca é que apenas serviços essenciais funcionem ao longo de 10 dias, por isso ela antecipou os feriados de Tiradentes e São Jorge. Apesar da preocupação de pessoas que fazem parte da produção do folhetim, a emissora de Edir Macedo diz que os trabalhos seguirão rígidos protocolos de segurança contra a Covid-19.

Conforme apurou o NaTelinha, a escolha da Record em não paralisar as gravações assustou atores, diretores e pessoas que fazem parte dos bastidores da trama. Com o agravamento da pandemia do novo coronavírus, onde diversas cidades do Rio de Janeiro se encontram em colapso, muitos profissionais entendem que não é momento para seguir com as filmagens da novela.

Na visão de algumas pessoas da produção, está faltando um pouco de empatia por parte da emissora em uma semana que o Brasil atingiu 300 mil mortes devido a Covid-19 – o número foi alcançado na tarde desta quarta-feira (24).

Outro ponto que preocupa é que, mesmo seguindo todos os protocolos de segurança, por ser um enredo de época, há um risco maior com o figurino numa comparação com tramas contemporâneas – a Globo, por exemplo, estava com gravações atrasadas de Nos do Imperador, antes de suspender, por causa disso.

A reportagem também apurou que, na sexta (26), haverá a gravação de um evento de Gênesis onde serão necessárias dezenas de figurantes, inclusive com a participação de atores que fazem parte do grupo de risco que ainda não foram vacinados, o roteiro já foi distribuído.
Outra reclamação da equipe é o fato dos testes da doença serem feitos a cada 15 dias, período considerado longo demais. A Globo, por exemplo, determinou que cada profissional tem que passar pelo exame do cotonete (PCR) contra a Covid-19 a cada cinco dias.

O NaTelinha procurou a Record e questionou sobre manter as gravações no “super feriado” do Rio e da não liberação de atores acima de 60 anos para os trabalhos. Em resposta, a emissora emitiu a seguinte nota: “As gravações da novela Gênesis seguem rigorosos protocolos de biossegurança. Até o momento seguimos com a previsão de gravar com todos os cuidados com a equipe técnica e com os atores”.

Fonte: UOL
Foto: Reprodução